A caça aos autógrafos

Autógrafos

Depois do célebre Mundial de Inglaterra em 1966 começaram algumas equipas a fazer os seus estágios em Carcavelos. Não sei porque escolheram ir para lá mas tanto ía o Benfica como o Sporting e até uma Seleção Militar para lá foi.

Estava construído o luxuoso hotel Praia- Mar mesmo à frente da Praceta ou seja junto à Marginal mas tambem havia uma estalagem ao pé da estação de comboios da linha do Estoril. A Rota do Sol.

Não havia em Portugal e se calhar ainda acontece ninguem que não ligasse ao futebol… Era um tubo de escape. E se calhar ainda o é… Muitas frustações eram lidadas à volta da bola e se calhar ainda as são… O clubismo era ferrenho e se calhar ainda o é…

Outro ilustre magriço, mas esse residente na Praceta era o Vicente Lucas.

Eu era e claro que ainda sou, do Sporting. Segui com toda a naturalidade o clubismo do meu pai. Tinhamos um ritual de ir aos jogos em que íamos cedo e o meu pai ía para uns estudios mesmo ali ao pé do estádio fazer legendas de filmes.

Esta das legendas era muito importante pois fazia do nosso pai quase uma  figura publica de grande notariedade já que o nome dele aparecia numa quantidade de filmes da Televisão. Muita gente via- Legendas de João Manuel Pinheiro- mas não faziam ideia de quem se tratava enquanto que os filhos estavam bem dentro do assunto e era um grande motivo de orgulho.

Será que alguem consegue decifrar os nomes dos jogadores da equipa do Benfica aqui expostos em forma de autógrafos?

4 thoughts on “A caça aos autógrafos

  1. Muito me contas, João! A minha infancia (e vida em geral, provavelmente) desenrolou-se num género de estado de sonho. Nunca me apercebi de nada disto..

  2. Eis a lista dos jogadores na página dos autógrafos. Alem do treinador Fernando Riera temos os seguintes jogadores: Jacinto,Santana, Nascimento,Eusébio, Fernado Cruz, Yaúca,Simões, Luciano, Nelson,Costa Pereira, Jaime Graca, Cavém, Coluna, José Augusto, Raúl, Humberto Coelho e Jpsé Torres!

  3. Grande amigo João, aliás Satffordiano!

    Um reuniao na Praceta é uma excelente sugestão! Tenho uma vaga ideia dos autógrafos. Lembro-me bem da caça aos gambuzinos para os novatos na Praceta, nos jogos de baseball no meio da Praceta com os americanos (filhos) que estavam na construção da ponte 25 abril, dos jogos de futebol no campo do pinhal onde agora está o Riviera, nas incursões no cabo submarino na quinta dos ingleses, nas corridas de caricas que organizava etc.
    Uma infinida de de coisas!..

    Um forte abraço
    João

    • Amigo João
      Não me fales da caça aos Gambuzinos que parto o coco a rir especialmente se pensar na tua excelente contribuição ! Hoje publiquei um novo texto. Há-de vir mais mas os grandes diálogos estão paralelamente a decorrer no grupo fechado do Facebook- Grupo da Praceta e bairro do Junqueiro.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.